Universidade capitalista e um apelo à humanidade

Há algum tempo as universidades estão se capitalizando. O “conhecimento” das universidades tem sido construído somente a partir das necessidades do mercado.
Fato é que a universidade perdeu o aspecto de conhecimento, de socialização, de humanidade e se tornou uma máquina de know-how para as empresas, assim como nós, que temos nos tornado máquinas de fazer dinheiro para que os grandes empresários ganhem dinheiro e poder.
São muitos os fatores que defendem a universidade capitalista: a produção de um conhecimento com intenção de ganhar dinheiro, a redução de custos (professores, qualidade das aulas, etc), o modo de se entrar na universidade (fim da gratuidade, acesso desigual, meritocracia) e, com certeza, mais.
Lutemos por um conhecimento livre, pela qualidade de ensino e pela sabedoria que nossos amados gregos tanto defendiam. Deixo também nesse posto icônico discurso de Charles Chaplin em O Grande Ditador (1940). É, particularmente, o meu discurso favorito, nunca me esqueço dele e eu imploro a vocês que vejam e deem ouvidos. Este é um apelo pela humanidade.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s